Fique por dentro!

Fernando de Noronha - Esmeralda do Atlântico

por Tuba
Postado em 03 de Agosto de 2017

Fomos até um dos lugares mais incríveis do Brasil em busca do que há de melhor para pescar por lá

Confesso que não fiquei muito animado quando o Marcelo Claro me informou que iríamos pescar em Fernando de Noronha.  Afinal, na última vez, há muitos anos, a pescaria não foi muito boa, pois tivemos problemas com o barco, com a chuva e também com a falta de apetite dos peixes. Mas como pescaria é assim mesmo, lá fomos nós pescar no paraíso novamente.

Fernando de Noronha é formado por 21 ilhas, pertencente ao Estado de Pernambuco, com seus pouco mais de dois mil habitantes. O arquipélago possui a categoria de Parque Marinho Nacional e de Patrimônio Natural Mundial pela UNESCO.  O turismo é restrito a apenas 420 visitantes por vez e a estadia é altamente controlada. Logo após a chegada, tanto no aeroporto quanto no porto, o visitante tem que pagar uma Taxa de Preservação Ambiental que aumenta progressivamente de acordo com a duração da viagem. 

Nossa pescaria se deu a convite de três empresas de Fernando de Noronha: Atairu - agência de turismo que coordenou tudo que precisávamos para chegar e ficar por lá,  a incrível pousada Teju Açú  e a Makaira Pesca esportiva .

Os dias que antecederam a pescaria foram de muita comunicação e consulta a Aplicativos metorológicos como o Windy e o Navionics Boating (disponíveis na Google play e no Apple Store). Tanto eu como o Marcelo Claro somos navegadores e amamos esse tipo de coisa, além, é claro, dos preparativos para a pescaria em si. 
Como Fernando de Noronha é uma Ilha Oceânica distante mais de 200 milhas da costa, a ideia básica, segundo o pessoal da Makaira, seria a pesca de corrico e próxima a um banco de areia. Também faríamos a pesca com jigs nos barrancos que compõe a plataforma continental. 

A respeito da previsão do tempo que indicava fortes ventos, principalmente para o primeiro dia, eu resolvi levar além do material de corrico e jig, outro para slow Jig, modalidade que está conquistando inúmeros adeptos pela facilidade de trabalho e principalmente pela grande eficiência. Aproveitei essa viagem para levar as novas Varas Redai Ocean, que serão lançadas durante o Pesca Trade Show, de 16 a 19 de agosto, no Anhembi, em São Paulo. Essas varas especializadíssimas iriam ter sua primeira viagem de trabalho, já que até então só tinham pescado nas aguas baianas de Canavieiras.

A íntegra desta reportagem você confere na Edição 272 da Pesca & Companhia! 


 

Newsletter

CADASTRE-SE E RECEBA TODAS NOSSAS NOVIDADES!

comentários