Dicas de Pesca

Cinco dicas para comprar sua vara de pesca

por Lielson Tiozzo
Postado em 15 de Dezembro de 2016

Vai pescar com iscas artificiais? Leve em consideração algumas dicas para escolher o melhor produto.

1 - QUAL PEIXE VAI PESCAR E EM QUE TIPO DE SITUAÇÃO ELE COSTUMA SER PESCADO?

É importante fazer esta pergunta, sobretudo, para definir o comprimento da vara. Pense que muitas vezes é necessário comprar uma vara mais comprida para conseguir arremessos mais longos. Lembre que uma vara mais comprida também ajuda na fisgada e no controle do peixe. No entanto, as mais curtas podem oferecer vantagens para pescar em áreas estuarianas ou em braços estreitos de rio, por conta da necessidade de fazer um arremesso muito preciso.  

2 - SABER O TIPO DE ISCA ARTIFICIAL QUE VAI USAR 

Quem vai pescar com isca soft precisa lembrar de dois detalhes no momento da fisgada: tem que perfurar a isca e a boca do peixe com o mesmo anzol. Para facilitar esta tarefa, sobretudo quando usamos linha de fluorcabono ou de monofilamento, devemos ter uma vara mais parruda. 
Já no caso do emprego de isca de superfície ou de meia-água, nas quais o anzol fica exposto, uma vara mais “leve” é suficiente. 

3 - NÃO ESQUEÇA DA CAPACIDADE (CASTING) DA VARA

Muitos se preocupam apenas com o comprimento e a resistência (“libragem”) da vara. Contudo, não esqueça de levar em conta a capacidade de arremesso, também conhecida como casting. Veja se, por exemplo, a vara comporta o peso dos poppers usados na pesca de costão ou oceânica. Ou até mesmo os pesados jigs metálicos. Se não respeitar o limite mínimo e o máximo, o pescador não consegue o melhor de seu equipamento e ainda corre o risco de quebra-lo. 

4 -  AÇÃO DA VARA

No Brasil existe um “consenso” de que a vara precisa ser rápida para ser mais eficiente, sobretudo para a fisgada. Com o advento da linha de multifilamento, a necessidade de uma vara rápida diminuiu. Por isso, tome cuidado, e considere usar modelos mais “lentos”. 
Se a vara for muito rápida, as iscas como cranck bait e spinner bait podem não trabalhar corretamente. Com estes equipamentos, o arremesso curto também fica dificultado.   

5 - VARAS MUITO CURTAS LIMITAM O ARREMESSO

Varas menores que de 5’6” limitam muito o arremesso. Mais: não tem a mesma eficiência para controlar o embate com espécies maiores. Considere uma vara a partir de 5’6”, porque ela será mais versátil. Ele vai oferecer muito mais benefícios. E se precisar de arremessos mais longos, também os fará, sem dificuldades.  

Newsletter

CADASTRE-SE E RECEBA TODAS NOSSAS NOVIDADES!

comentários