Fique por dentro!

Linha de fluorcabono e molinete na pesca ao black bass

por Fábio Zurlini
Postado em 23 de Novembro de 2018

Esta “dupla” rende uma combinação muito boa para a espécie

Na pesca do black bass, a cada dia é mais comum o uso da linha de fluorcarbono, que além de afundar é menos elástica. Essas características ajudam a detectar a pegada do peixe mesmo em dias de vento.

Apesar dessa qualidade este tipo de material tem um ponto negativo. Justamente por ela ser mais dura, tem mais memória, característica de se manter em espirais após a saída do carretel, demorando um pouco mais de tempo, para se acomodar no carretel.

Por isso, uma boa dica é enrolar a linha com pelo menos uma semana de antecedência, para que ela tome forma e evite as cabeleira, no caso das carretilhas.

Outro problema comum acontece quando ela é usada nos molinetes. É normal que depois de um certo período e linha fique torcida. Para tirar a torção o pescador deve soltar a linha e embobinar ela novamente com pressão. Molinetes de boa qualidade, rolamento no guia de linha e carretel mais largo ajudam a evitar o problema.  

Newsletter

CADASTRE-SE E RECEBA TODAS NOSSAS NOVIDADES!

comentários