Fique por dentro!

Polícia Ambiental desarma 106 anzóis de galho de uma vez no Rio Coxim

por Redação
Postado em 06 de Dezembro de 2018

Infratores teriam armado os apetrechos durante a madrugada e não foram encontrados

A Polícia Militar Ambiental retirou 106 anzóis de galho que estavam armados no Rio Coxim, no interior de Mato Grosso do Sul, na manhã desta quinta-feira, 6. Pelo menos 15 kg de peixes estavam presos aos apetrechos, mas foram soltos pelos agentes.

Segundo a PMA/MS, os infratores não foram localizados. “Os infratores armam redes e anzóis (petrechos proibidos) pela madrugada, bem como fazem a conferência e retirada de peixes capturados no mesmo período, o que dificulta as prisões, mesmo que as equipes trabalhem durante o período noturno, pois, assim que ouvem barulho de embarcação da fiscalização, fogem pelas matas”.
 
Vale lembrar que a pesca está proibida nos rios de Mato Grosso do Sul por conta do período de reprodução dos peixes, a piracema. Quem for flagrado será processado por crime ambiental e receber uma multa de até R$ 100 mil. 

Newsletter

CADASTRE-SE E RECEBA TODAS NOSSAS NOVIDADES!

comentários